Videos Porno | Xvideos | Site de Sexo - Papo Quente
Colabore, sugira uma matéria!Envie

Masturbação em excesso: saiba tudo sobre o assunto!

0 votes

Alguma vez você já sofreu ou ouviu alguém se queixando sobre masturbação em excesso?

masturbação em excesso

Fonte: Abril/Reprodução

Caso a resposta seja sim, agora saberá exatamente como agir com relação ao assunto. Se for não, não deixe de ler a título de curiosidade. Com certeza você não se arrependerá.

Sim, quem se masturba muito acaba tendo alguns riscos específicos e estes precisam ser compreendidos para que as coisas sejam facilitadas.

Para se ter uma ideia, uma das coisas que podem acabar acontecendo e que não é nada positiva é a falta de apetite sexual. Isso porque, quem se masturba em excesso, muitas vezes acaba se satisfazendo com a prática e o sexo não é mais prioridade. Claro que isso não é generalizado, existem casos e casos, mas, pode vir a acontecer.

A maioria das pessoas que comenta se considerar ser praticamente viciada em masturbação, dizem que muitas vezes nem se dão conta. Quando menos percebem, já estão se masturbando. É como se elas perdessem o controle de si mesmas.

Auxílio médico e algumas vezes até psicológicos são necessários em situações como essa. Lembrando que, infelizmente, para muitas pessoas, a masturbação ainda é vista como tabu, o que, em pleno século XXI, não deveria acontecer mais.

Para quem acha muito sem graça utilizar apenas a mão, alguns objetos que levam à excitação também são ótimas pedidas. Não deixe de experimentar. Só não vale exagerar e virar mais um viciado por conta dessa dica. O conselho é para que primeiro você descubra mais sobre o assunto e depois decida sobre.

Problemas relacionados à masturbação em excesso

Sim, sem dúvida alguma ela é uma ótima forma das pessoas se autoconhecerem. O que é ruim e faz mal, é o excesso mesmo. Funciona como qualquer outro vício: possui suas consequências.

Segundo especialistas, as coisas podem piorar ainda mais caso os movimentos feitos sejam sempre os mesmos. Porque nesse caso, o cérebro se acostuma com essa ideia. E assim, o vício acontece.

masturbar

Fonte: Abril/Reprodução

O cérebro também pode fazer com que você não consiga mais ter um bom desempenho quando for fazer suas relações sexuais, já que ele entenderá que você só deve gostar quando estiver se masturbando.

Então, seus problemas começaram. Principalmente no sentido do seu parceiro ou parceira. Nem sempre é fácil para eles entenderem essa questão psicológica. Normalmente, a primeira coisa que acontece é eles acabarem se culpando. Achando que você não está “comparecendo” por não se encontrar satisfeito com a outra pessoa.

O melhor a fazer, nesse caso, é tentar começar o processo contrário, para largar o vício. Se masturbar o mínimo possível e não deixar que esse assunto te deixe nervoso ou nervosa, de forma alguma.

Como dito, caso acredite que uma ajuda profissional poderá te ajudar, essa pode ser uma excelente forma de resolver a questão. Mas, nada de se culpar. Não é culpa de ninguém, muito menos sua. Apenas entende que é algo que pode ser resolvido e só dependerá do seu empenho para isso.

Como a pessoa sabe que está viciada na masturbação?

Na verdade, não existem regras. Quando aquilo estiver acontecendo com muita frequência e, mais do que isso, te fizer mal de alguma forma, é porque é hora de repensar sobre o assunto. E sim, parar.

Para quem acha que existe um número de vezes que a pessoa se masturba e então descobre que está viciada, não, isso não existe. Porque para algumas pessoas, duas masturbações na semana podem acabar afetando. Para outras, apenas se forem algumas por dia. Vai muito da realidade da pessoa, do seu psicológico e de fatores como, por exemplo, se ela namora ou não, com que frequência transa e assim por diante.

Dessa forma, quando a pessoa perceber que aquilo está lhe fazendo mal, é porque a masturbação em excesso vem acontecendo.

E sabe mais um problema que esse excesso pode trazer? Como já citado anteriormente de forma bem superficial, pode diminuir o prazer. Ninguém quer isso, certo? Porém, agora você precisa saber uma coisa. Talvez até já saiba, mas não de forma tão ampla.

Quando alguém se masturba, o prazer que ela pode sentir é quatrocentas vezes menos do que em uma relação sexual. E esse número pode ser ainda maior dependendo da situação. Ou seja, é muita coisa.

Masturbação em excesso traz ainda mais malefícios

A diminuição de sensibilidade é mais um problema trazido pelo excesso de masturbação. Isso porque, com esse excesso, é possível que uma síndrome seja pega. E ela inicia justamente porque é colocada muita força na mão e os nervos tanto do pênis, como do clitóris, passam a perder a sensibilidade. Por isso, caso você se masturbe com frequência, o melhor a ser feito é sempre ir alternando os movimentos, para que não sejam feitos sempre o mesmo.

masturbação excessiva

Fonte: Twitter/Reprodução

Assim como, a perda tanto do cabelo, como de memória, também possuem chance de acontecer quando se masturba mais do que deveria. A explicação é que esse excesso estima funções relacionadas ao sistema nervoso e assim, hormônios sexuais podem ser mais estimulados do que deveriam. Ter fadiga, ficar com a visão embaçada e perder cabelo e a memória são apenas alguns dos possíveis problemas.

E quanto à exaustão sexual? Muito mais comuns do que as pessoas podem imaginar, o excesso de masturbação pode afetar órgãos como o fígado. A partir disso, a pessoa fica exausta e então, não quer mais nada relacionado ao sexo.

No caso dos homens, há mais um porém. O esperma pode acabar tendo um vazamento. E isso pode ocorrer mesmo sem ereção e acaba se tornando bem comum. Quando isso ocorre, é porque o nervo se encontra enfraquecido, já que a área acabou estimulada demais.

Ou seja, a menos que você queira ter sérios problemas, o melhor a ser feito é controlar a frequência com que se masturba ou então, acabará tendo problemas.

Agora, caso para você esta tudo bem se masturbar bastante e isso não te atrapalha em nada, nem na vida pessoal, nem na sexual, continue com os seus costumes. Aqui se fala de quem tem problemas com isso.

O que mais você encontrará no Papo Quente?

Muitos conteúdos, dos mais variados tipos. Eles trazem situações para todos os gostos e escolhas sexuais. Desde para homossexuais, heterossexuais, trans, não importa.

O intuito do espaço é disponibilizar muitas opções para os leitores e permitir que ele acesse tudo de forma bem atualizada e precisa. Não tenha dúvidas de que você não se arrependerá acessando.

Inclusive, uma dica especial envolve um boquete inesquecível. Caso você queira saber como fazê-lo e descobrir diversos detalhes sobre ele, não perca esse conteúdo. Com certeza, você não se arrependerá.

Relacionados

Deixe seu comentário

SITES PREMIUM
sites porno
videos porno
contos de sexo
Filmes Porno
contos eroticos
Xvideos 10
Caiu na Net
Copyright © 2009 - 2020 - Papo Quente. Todos os direitos reservados.