Papo Quente - Fantasias, Fetiches e Taras Eróticas
Colabore, sugira uma matéria!Envie

O que é cuckold? Saiba tudo sobre Fetiche Sexual

0 votes

Você sabe o que é cuckold? Já ouviu falar nessa expressão alguma vez?

Embora esse termo seja novidade para algumas pessoas, o cuckold é um fetiche sexual mais comum do que muita gente imagina.

Seja em homens, mulheres, casais héteros ou homossexuais, ele está presente na vida sexual de muitas pessoas, mas ainda não é tão aceito quanto outros já comentados por aqui.

Isso porque ainda existe um forte tabu sobre a questão de relacionamentos monogâmicos terem parceiros que se relacionam com outros.

Mas afinal o que é cuckold?

Antes de falar como funciona esse fetiche, é importante explicar o que é cuckold.

o que é cuckold 1

Fonte: Reprodução xbabe

Esse termo em inglês nada mais se refere do que o prazer de ser corno ou corna. A origem desse termo é até bem curiosa. Ela é uma adaptação da palavra cuckoo (o pássaro cuco).

Na natureza, o macho da espécie aceita que a fêmea bote ovos de outro macho no ninho. Ou seja, basicamente nesse fetiche a pessoa sente prazer em ver, ouvir ou até mesmo apenas ficar sabendo que o parceiro ou parceira teve relações sexuais com outro indivíduo.

É importante ressaltar que o cuckold e o voyeurismo são coisas distintas, apesar de haver a possibilidade de ambos serem praticados em conjunto.

No voyeurismo, a pessoa sente prazer em ver outra pessoa se despindo ou tendo relações sexuais. Mas, o indivíduo não precisa ser, necessariamente, parceiro/parceira.

Contudo, no cuckold, pode ocorrer o voyeurismo (o que não é obrigatório, mas uma possibilidade!)

Como funciona o cuckold

Um dos grandes diferenciais do cuckold é que ele pode ser praticado de diferentes maneiras. Por ser uma vertente do masoquismo, existem várias formas desse prazer de ser corno ser despertado.

Uma das formas mais comuns é vendo o ato da relação sexual acontecendo em si. Isso pode acontecer tanto em casas de swing onde há troca de casais, como em ambientes combinados pelos envolvidos.

Mas, esse fetiche não precisa, necessariamente, envolver a visualização do ato em si.

Algumas pessoas preferem, por exemplo, acompanhar o sexo por fotos, vídeos ou até mesmo ligações. Já outras não precisam nem ver a relação sendo consumada, elas querem simplesmente saber que aconteceu e os detalhes do ato.

O mais importante na questão de funcionamento desse fetiche é o acordo mútuo.

O ato só irá acontecer depois do casal decidir todas as regras. Por exemplo, em alguns casos o parceiro que quer sentir o prazer de ser corno não deseja determinadas posições ou que até mesmo escolher o parceiro.

O importante aqui é tudo ser acordado antes da prática em si.

Como conversar sobre esse fetiche sexual com a parceira ou parceiro?

Agora que você sabe o que é cuckold, deve estar se perguntando como abordar esse tipo de fetiche com a parceira ou parceiro. Bom, a conversa aberta é sempre a base para trazer novas experiências para a rotina do casal.

o que é cuckold

Fonte: Reprodução spankbang

Mas, você também pode colocar algumas dicas em prática para auxiliar na apresentação desse tipo de fantasia.

Vídeos pornôs que mostrem o fetiche

Uma das maneiras mais fáceis de abordar o que é esse fetiche para a parceira ou parceiro é assistir vídeos pornôs sobre o fetiche. Esse conteúdo é ideal para mostrar todo o prazer que esse tipo de fantasia pode gerar para todos os envolvidos.

Comece pelo exibicionismo

Nem sempre você precisa começar logo de cara com o ato sexual em si. Na verdade, o exibicionismo pode ser uma excelente alternativa para incluir o cuckold aos poucos na relação.

Incentivar a parceira ou parceiro a usar roupas provocantes ou realizar atos eróticos na frente de outros indivíduos irá trabalhar aos poucos esse prazer de corno.

Conheçam pessoas juntos

Um dos cuidados (que inclusive vamos falar a seguir) é a segurança na escola do terceiro envolvido. Uma das maneiras de melhorar a inclusão desse fetiche na relação é justamente escolher esse elemento juntos.

O casal pode, por exemplo, ir até uma balada liberal para conhecer novas pessoas. Outra possibilidade é ir diretamente em casas de swing, onde esse tipo de prática já é mais aceita. As redes sociais focadas em fantasias sexuais também podem ser uma alternativa.

Cuidados para a prática desse fetiche

Assim como em qualquer outro fetiche sexual, o cuckold exige uma série de cuidados. Entre os principais, estão:

Uso do preservativo

O principal cuidado nesse tipo de fantasia é o uso do preservativo. Não importa se o cuckold vai envolver uma pessoa já conhecida do casal, se os parceiros vão até uma casa de swing ou até mesmo contratar profissionais do sexo para o ato.

A camisinha é a forma que ambos têm para evitar Doenças Sexualmente Transmissíveis (DSTs). Então o uso deve ser indispensável, principalmente se o fetiche for envolver diferentes parceiros ao longo do tempo.

As regras sempre precisam estar bem claras para todos os envolvidos

Esse é um dos cuidados mais importantes para esse fetiche. As regras irão estabelecer os limites da relação de sentir o prazer de corno, de modo que todos os envolvidos fiquem satisfeitos.

É importante estabelecer desde a maneira que a pessoa quer sentir esse prazer, como ver o ato acontecendo ou apenas escutar o parceiro/parceira, até o tipo de relação que está envolvida.

Como dito anteriormente, alguns indivíduos não desejam ver todos os tipos de posições e experiencias sexuais da parceira ou parceiro com outra pessoa. Então sempre sente e detalhe exatamente o que pode e não pode nesse fetiche.

Segurança

Essa é uma dica especial para quem não vai praticar o fetiche com um conhecido. Seja em casas de swing ou contratando profissionais do sexo, sempre escolha um espaço seguro para o ato ocorrer.

Se a parceira ou parceiro for se encontrar sozinho com a terceira pessoa (amante) é preciso ainda mais cuidado. O recomendado é sempre já conhecer a outra pessoa, ter o contato, endereço e outras informações.

Agora que você já sabe o que é cuckold, não deixe de conversar com a parceira ou parceiro se esse fetiche despertar o seu interesse. Você tem curiosidade de saber mais sobre outras fantasias sexuais? Então deixe sua dúvida nos comentários.

Relacionados

Deixe seu comentário

SITES PREMIUM
sites porno
Os profanos
videos porno
Filmes Porno
xvídeos
contos eroticos
Xvideos
Xvideo
Porno
Copyright © 2009 - 2020 - Papo Quente. Todos os direitos reservados.